O que 2022 nos reserva?

Picture of Thiago Brant

Thiago Brant

Enfim consegui uma pausa para escrever algumas palavras por aqui e quando me dei conta, todo o dia de hoje me levou a iniciar meu texto de fim de ano com uma referência que também usei na virada de 2020 para 2021: Simon Sinek! Confira aqui!

O vídeo do link acima aparece na última aula do workshop Agile People Development (D10 Diversidade, segurança psicológica e conflitos nas equipes). Esse workshop tem um gostinho super especial: ele está encerrando a agenda de cursos da Agilers em 2021 (e por um capricho do sistema, já que o último dia teve que ser adiado, ultrapassando o workshop de Gestão de Mudanças 3.0).

Quando eu escrevi o texto da virada passada, nem imaginávamos que iríamos embarcar nessa jornada (lembrando que me inscrevi na formação da Pia-Maria só em janeiro). E agora o resultado chegou: formação Agile People Coach e Agile People Leader completas em português, e com uma turma de early adopters sensacional que está pronta para trabalhar com a Agilers em sua visão.

Uma dica: Simon Sinek tem um video incrivel sobre a Curva de Adoção da Inovação!

Mas voltando a referência, nesse vídeo Simon Sinek fala sobre Diversidade & Inclusão a partir da ideia de perspectiva, o que faz todo sentido para mim. Ele usa como exemplo a declaração de independência americana: “…que todos os homens são criados iguais…“. E que cada cidadão enxerga essa frase a partir de sua perspectiva. O que significa ser criado igual para cada um? Igualdade de Gênero? Ser aceito sendo LGBT? Sem discriminação de raça?

Ele ainda coloca essa frase como um ideal, algo que talvez a gente nunca irá atingir, mas que cada um sempre irá trazer para sua perspectiva e lutar por isso. E isso me faz lembrar da visão da Agilers, que tem exatamente esse papel. Essa é nossa visão:

Um mundo em que todos são felizes em seu trabalho

Nós fizemos uma revisão de toda nossa estratégia enquanto escrevíamos nossos OKRs para 2022, e essa visão se manteve. É, certamente, algo utópico, que talvez nem estejamos vivos para ver, mas que inspira nosso trabalho diário.

E olhando pela ideia da diversidade e perspectiva, fica a pergunta: “O que é um trabalho feliz para você? O que é preciso para que você seja feliz em seu trabalho?”. Eu te convido a responder essa pergunta aqui nos comentários.

Esse vídeo me fez pensar exatamente nisso: para criar um mundo de trabalho feliz para todos, precisamos entender o que faz o trabalho algo feliz para cada um. Um mundo de trabalho feliz começa por Diversidade e Inclusão. Então nos ajude nessa empreitada, respondendo aqui nos comentários. A partir de agora, farei essa pergunta mais frequentemente no meu dia a dia!

Isso tudo era sem dúvida o que faltava para fechar a conta e inspirar para buscarmos o nosso objetivo de 2022, que já tínhamos escrito antes de eu rever o vídeo, e que agora tem um novo suporte para acontecer:

Ser reconhecida nacionalmente como uma consultoria que desenvolve organizações e pessoas capacitando-as a tornarem seus ambientes de trabalho mais felizes e inclusivos 🤍

Concordam que isso não seria possível em diversidade e inclusão? Sem perguntar a cada um o que o faria feliz em seu trabalho? E aí, vamos com a gente?

Pensando no nosso objetivo passado, em 2021, vejo que tudo caminhava para esse momento. Naquela época nos propromos a preparar, de forma humana, pessoas que pudessem aplicar nossos ensinamentos na prática. E foram muitos depoimentos ao longo do ano que mostram que fomos bem sucedidos. Cada vez mais vemos as nossas aulas se tornando reais no dia a dia da empresa.

Destaco aqui alguns episódios que gravamos no Cháblau, nosso parceiro incrivel de podcasts:

  • história da Fernanda, que influenciou a maneira de toda uma empresa de trabalhar a partir dos ensinamentos do Management 3.0.
  • E que acabou inspirando outro líder, que também aprendeu muito com a gente: veja a historia do Léo!
  • Nossos corajosos que fizeram sua transição de carreira com sucesso em 2021: veja a história da Marcia, e dois momentos (no comecinho, e agora) da história do Heirisson!
  • E uma história que envolve a própria Agilers, contada pelo Eri. Nós sempre apostamos na liderança pelo exemplo, em fazer dentro de casa aquilo que levamos para o mundo!

No mínimo temos muita história para contar, hein? Mas o que são as organizações se não as histórias que são contadas por seus colaboradores?

E ao longo do ano tivemos nossos encontros de sexta, que nasceu como um “Almoço com Agile People Brasil”, mas que acabou acontecendo em diversos formatos, e também no cafe da manhã e happy hour. Isso deu o tom para nos inspirar para os encontros de 2022, onde levaremos mais conteúdo e prática para todos! E já queremos resgatar o Café Lovers, que é um encontro informal mas que já gerou muitos frutos!

E sobre Agile People Brasil! Foi uma iniciativa que nasceu para ser como uma nova empresa, uma nova marca dentro da Agilers, mas que ao longo do ano conseguiu se definir e agora passa a ser “A guardiã do conteúdo Agile People em português”. Foi assim que combinei com a Pia-Maria:

Então essa será uma marca institucional para trazer o conteúdo para o português e também apoiar todos aqueles que queiram ajudar a disseminá-lo. Se você pensa em ser um Agile People Coach, Leader e/ou Trainer, conte com a gente!

Um outro presente que a Agile People trouxe para nós foi o Reiss Motivation Profile! Nesse ano me tornei o primeiro Reiss Motivation Profile Master no Brasil, e isso motivou até a criação da versão português brasileiro da pesquisa. Em 2022 vamos levar esse perfil motivacional para mais pessoas e exandi-lo em território nacional. É algo que também contribui para o tema diversidade, trazendo uma forma de ver cada pessoa como um individuo único!

Ah, e os resultados? Será que aquele experimento que citei na última virada, de rodar um negócio com foco em propósito, e não no lucro, ainda está parando em pé?

Bom, aí vai um pouco dos nossos resultados até agora:

Podemos notar alguns pontos aqui:

  • Continuamos com um crescimento consistente, mas com oscilações maiores
  • Essas oscilações são caracteristicas do negócio, e foram ampliadas devido a ciclos de formações mais longos. Os grandes picos de receita suportam o negócio nos meses seguintes
  • O faturamento bruto da Agilers em dezembro de 2021 foi 70% maior que dezembro 2020
  • A Agilers cresceu 260% em faturamento de 2020 para 2021. E isso porque só em 2022 que iniciaremos a nossa expansão propriamente dita!
  • Mesmo em um negócio com forte influência do câmbio, conseguimos aumentar nossa margem de lucro em 15 pontos percentuais!
  • Vejam mais alguns dados interessantes na nossa animação de fim de ano!

O curioso é que esses indicadores são acompanhados pela equipe, e cada vez mais profissionalmente. Em 2021 adotamos um novo ERP para nos ajudar nas finanças, mas não tivemos nenhuma reunião em que o tema fosse: aumentar faturamento, melhorar a margem, etc.

Nossas conversas sempre giram em torno de como entregar melhores serviços (agora na virada começamos a adotar o Fit for Purpose!) e como tornar nossa equipe mais feliz e engajada (apoiados pelo TeamCulture e todos os ensinamentos do Management 3.0 e Agile People).

Esperamos em 2022 estarmos mais perto dos nossos alunos e suas organizações, guiando todos aqueles apaixonados em tornar o mundo do trabalho mais feliz!

Fiquem ligados na nossa programação:

  1. Acesse a nossa agenda de workshops: https://agilers.com.br/todos-os-workshops/
  2. Se inscreva na nossa comunidade: https://comunidade.agilers.com.br/c/comece-por-aqui/

Cookies

Utilizamos cookies para personalizar o seu conteúdo e melhorar sua experiência com a Agilers. 

Saiba mais sobre os cookies em nossa Política de Cookies